quarta-feira, dezembro 07, 2005

Uma coisa realmente importante

Aqui já em baixo encontra-se o objecto do meu descontentamento. Trata-se de um aspirador de brincar, equipado com um balde, vassoura, esfregona, pá, limpa-vidros e, pasme-se, luvas do tamanho que as crianças usam!



O pequeno gnomo que ocupou uma divisão cá de casa há 2 anos e meio não descansou enquanto não teve uma coisa destas. Implorou, sorriu, chorou, berrou. Deu abraços, deu beijinhos, deu gritos de fugir, até que o banana do pai (NR: eu) não resistiu à pressão, à chantagem emocional e pronto: já cá tenho o trambolho em casa.

Posso estar a exagerar um pedacinho a pressão a que fui sujeito - terão sido, ainda assim, uns longos 5 minutos - mas senti-me como se tivesse sido um processo de negociação de semanas.
E agora, o que é que eu faço? Tenho um puto cujo brinquedo preferido é um aspirador. Socorro!